Economia do Município

A principal atividade econômica do município é a agricultura familiar respondendo por quase a metade da força de trabalho economicamente ativa na região. Prevalece no município a pequena propriedade rural ou a agricultura familiar de 50/60 hectares sendo a renda média mensal destes agricultores girando em torno de 500 a 600 reais.


A pecuária de leite é a principal atividade econômica no campo sendo responsável por praticamente toda a ordem de investimentos no campo. O Destino do leite é os 4 laticínios da região que compram dos trabalhadores rurais e os revendem para mercados vizinhos como a cidade de Juiz de Fora.


Não há no município uma associação de produtores ou uma cooperativa que possibilite ao agricultor uma melhor margem de negociação do produto, apesar de existir em Tabuleiro um Sindicato dos Trabalhadores Rurais que, em verdade, conta com poucos afiliados.


Alguns produtores dedicam-se também à cultura do milho, da pimenta e do feijão sendo esta última para a subsistência.


No perímetro urbano a cidade possui 129 estabelecimentos comerciais entre eles laticínios, empresas de extração de pedras, drogaria, loja de material de construção, dentista, mercearias, companhia de gás, padarias, madeireira, bares e restaurantes.


Não há dados precisos das pessoas empregadas no comércio varejista mas trata-se, na maioria dos casos, de micro empresas familiares.


Há ainda no município um número considerável de trabalhadores autônomos como artesãos, vendedores ambulantes e cabeleireiros.

O setor público também exerce papel fundamental como atividade produtiva assalariada na medida em que o município possui 5 escolas municipais, uma estadual, secretarias municipais, legislativas entre outras.